22.09.2016 - ASASEPODE Comemora junto com Mônica o Retorno a Santo Antônio da Patrulha




Após a paralimpíada, foi emocionante o retorno da paratleta Mônica Santos a sua cidade, Santo Antônio da Patrulha, e a ASASEPODE se fez presente, apoiando e incentivando nossos paratletas. Veja, abaixo, o vídeo exibido no Fantástico, da Rede Globo, mostrando a trajetória de Mônica como mãe e paratleta.

 

 

Mônica tinha 18 anos quando soube que estava grávida. Em meio à alegria pela maternidade, veio o susto. Uma fraqueza até então inexplicável nas pernas foi atribuída à descoberta de um angioma medular. Ouviu dos médicos que o aconselhável seria interromper a gestação para evitar que a lesão pressionasse ainda mais a medula, o que poderia causar até tetraplegia. A gaúcha contrariou a recomendação e assumiu o risco. Deu à luz Paolla, e posteriormente se submeteu à cirurgia para a retirada do angioma. Perdeu o movimento das pernas, mas pôde carregar a filha nos braços.

 

- Me tornei cadeirante em 2002 por opção. Eu estava com dois meses de gestação quando tive um angioma medular e optei por ter a neném e ficar paraplégica. Não foi uma questão religiosa. Foi uma questão humana. Acho que, se cada um tivesse um pouquinho mais de humanização, o país estaria bem melhor. No momento eu nem pensava em ser contra aborto ou a favor. O fato é que eu queria ter um bebê, ali era uma vida, e eu não queria tirar aquela vida. Acho que era um ser humano desde o momento que estava ali batendo o coraçãozinho – disse Mônica.

 

 


 
 
 
 
 
     
 

ASASEPODE - Associação de Servidores da Área de Segurança, Portadores de Deficiências, do RS
Av. Aparício Borges, 2053 - Partenon - Porto Alegre - RS. Telefones: (51) 3315-3530/99800-1584
Facebook: https://www.facebook.com/asasepode/ - Site: www.asasepode.org.br - E-mail: asasepode@gmail.com